Mãos à Escrita
Jornal do Agrupamento Professor João de Meira
Pesquisa

Uma Grande Raínha
Por Salvador Lopes (Aluno, 5º B), em 2013/11/20720 leram | 0 comentários | 154 gostam
A história de uma grande raínha. Forte, corajosa e boa monarca. Da minha mesma autoria.

Salvador Lopes, 5º B
Antigamente, as pessoas acreditavam que a realeza era tudo figuras imponentes, mas, nos tempos de hoje, já não é bem assim: no reino de Duloq, num palácio feito de diamantes, vivia uma rainha. Essa rainha era viúva já há muito tempo e vivia sem nenhum servo que fizesse as suas coisas por ela.
 A rainha apenas tinha uma armada de cavaleiros, a que também pertencia. Lutava com dignidade e honra para defender o seu povo. Tal como o povo dizia, a rainha era a monarca perfeita para Duloq. Um dia, o Lorde Smith, um antigo rival de Duloq, tentou intrujar a rainha. Queria matar a rainha. Mas é difícil matar alguém quando essa pessoa está a uma pequena unha de a morte a levar. A rainha adoeceu. Precisava de uma transplante urgente de coração. Já estava a caminho de Duloq um coração compatível para a rainha. Quando chegou o coração, já era tarde demais. Já tinha morrido. O povo todo soltou lágrimas no seu funeral e até o seu rival soltou lágrimas por ter sido uma grande rival.
 Passaram anos e tudo mudou, exceto uma coisa: em Duloq, ficou a memória de uma grande monarca, defensora do seu povo. Esta é a sua história.
 
FIM

Salvador Lopes, 5º B


Comentários

Escreva o seu Comentário
 




Top Artigos: Amor de Mãe